logo filmes e cenas Filmes e Cenas / Cenas / Os 7 Melhores Momentos da série: "Os Sopranos"

Os 7 Melhores Momentos da série: "Os Sopranos"

Os 7 Melhores Momentos da série: "Os Sopranos"

Reação dos fãs:

0

Os Sopranos são uma das séries de televisão mais conhecidas do mundo e fizemos uma recolha de sete momentos icónicos da série.

Criado por: Sofia Correia em 20 / 08 / 2020

Partilha

Faz 20 anos que Nancy Marchand morreu. Queremos recordá-la pelo seu enorme talento e o maior registo que temos é a sua personagem Livia Soprano da série The Sopranos. Uma mãe tóxica e de caráter maldoso que marcou as duas primeiras temporadas da série pela sua brilhante interpretação. Aproveito esta oportunidade para relembrar os 7 momentos mais icónicos desta série.


7.“The Knight in White Satin Armor”, temporada 2, episódio 12

O momento em que Tony encontra a sua mãe Livia, na casa da irmã Janice ainda me dá alguns arrepios. Esta é uma das várias cenas que capta na perfeição a disfunção da família Sopranos. É impossível não recordarmos Lívia Soprano, pela maneira como ela destrói todos com as suas intervenções, suprimindo e pisando as alegrias dos outros. E no final desta cena, não podemos esquecer o momento brilhante em que Tony tropeça ao sair de casa e faz com que Livia passe de lágrimas a risos perturbantes, algo que fica bem vivo na nossa memória!


6.“The Second Coming”, temporada 6, episódio 19

Anthony Jr. ou AJ foi sempre aquela personagem que nenhum de nós gostava muito. Ao longo das temporadas percebemos as várias fragilidades de AJ e na sexta temporada assistimos ao momento em que tenta suicidar-se. Tony, pai de AJ, aparece e salva-o. E conhecemos pela primeira vez um pai amoroso que conforta o seu filho. Ouvir “it’s okay, baby” de Tony para o seu filho é provavelmente o momento mais emocionante de toda a série e hoje, quando assisto, ainda me deixa desarmada como na primeira vez que assisti.


5.“Pine Barren”, temporada 3, episódio 11

Na verdade, o episódio 11 “Pine Barren” pode todo ele ser considerado como o melhor que The Sopranos tem para nós. Vemos a Christopher e a Paulie que têm a tarefa de assassinar um mafioso russo, algo que parece “fácil”, uma vez que falamos desta incrível dupla. No entanto, o russo escapa e dá início a um dos episódios mais hilariantes da série. É também memorável pela mistura de suspense, porque nunca chegámos a saber o que aconteceu com o mafioso russo. Parece muito simples mas é obrigatório ver ou rever!


4.“Long Term Parking”, temporada 5, episódio 12

Este é o episódio em que Adriana morre e o momento em que o nosso coração é destroçado. Descobrimos que a cena inicial não é real e que na verdade ela está dentro do carro a caminho da sua morte. Sim, é um final trágico para uma personagem cheia de boas intenções. É uma cena absolutamente de partir o coração, mas estamos a falar de The Sopranos. E todos nós sabemos que na maioria das vezes, quem joga em duas equipas dificilmente ganha. 


3.“Employee of the month”, temporada 3, episódio 4

Conhecemos muito bem o consultório da doutora Melfi, é este o cenário de inúmeros momentos reveladores de Tony. Mas neste episódio da temporada 3 a história muda e acabamos por assistir uma cena devastadora em que Melfi quase conta a Tony o trauma que enfrenta e nós deste lado desejámos que ela o tivesse feito. Mas não aconteceu e é precisamente por isto que The Sopranos é aplaudida pelo realismo. O pormenor da pausa que Tony faz antes de avançar e caminhar até à cadeira de Melfi é genial. “Devo ou não devo” atravessar a linha de paciente e médico? 


2.“Made in America”, temporada 6, episódio 21

A última cena do último episódio de The Sopranos é até hoje um mistério para muitos fãs. Não conseguimos descobrir verdadeiramente o que aconteceu neste final porque não há resolução ou lições aprendidas. É, por isto, uma obra-prima, gloriosamente enigmática e carregadíssima de símbolos que podem ser interpretados de maneira diferente por cada um de nós.


1.“Whitecaps”, temporada 4, episódio 13

O maior impacto emocional que temos de The Sopranos, acontece dentro da casa de Tony e Carmela. Um casal que se amava profundamente mas também discute como loucos por motivos bastante comuns a muitas famílias: dinheiro, segredos e infidelidade. Nesta temporada somos enfrentados com o fim de várias décadas de trégua desconfortável que existia entre o casal. E nesta cena, Tony e Carmela eternizam um dos melhores momentos da série e que demonstra precisamente por que The Sopranos transcendeu as expectativas para se tornar algo intemporal.





Transmita tua reação:


0

tags:

Beta 1.0

Por favor faça login primeiro