logo filmes e cenas Filmes e Cenas / Cenas / 10 Coisas Que Não Sabias Sobre: "Pulp Fiction"

10 Coisas Que Não Sabias Sobre: "Pulp Fiction"

10 Coisas Que Não Sabias Sobre: "Pulp Fiction"

Reação dos fãs:

0

Pulp Ficition é um clássico do cinema. Talvez já o tenhas visto mas, sabes estas curiosidades sobre o filme?

Criado por: Ricardo Santos Silva em 13 / 10 / 2020

Partilha

Pulp Fiction... um dos maiores clássicos da história do cinema. Depois do sucesso que foi "Reservoir Dogs" (Os Cães Danados) nos Estados Unidos da América, Quentin Tarantino tinha mais liberdade, mais público e mais dinheiro para fazer o seu próximo filme. E saiu "Pulp Fiction". Uma aventura épica contada de forma original e disruptiva para a altura. De certeza que já viste este filme (se nunca viste, tens que ir ver) e, depois de Tarantino ter ensinado a toda a América como é que se chamava a um Quarter Pounder With Cheese na Europa (Royal With Cheese), e de ter sido o filme que voltou a puxar para a ribalta atores como John Travolta e Bruce Willis, chegou o tempo de analisarmos 10 factos que aconteceram nos bastidores deste filme que apaixona multidões.


Vamos lá então começar com estas curiosidades... E começamos logo com uma interessantíssima! Uma que dá para reparar no filme mas que eu nunca reparei. Lembras-te quando Vincent Vega tem que dar uma seringa de adrenalina à Mia Wallace para fazê-la acordar de uma overdose? Pois bem, na verdade, Vega (Travolta) não está a enfiar a seringa no peito de Mia (Uma Thurman) mas sim, a tirar-lhe a seringa do peito. Depois, graças à magia do cinema, Tarantino editou a cena para que andasse para trás na gravação, parecendo então, que Vega lhe está a enfiar a seringa e não a retirá-la. Se reparares bem, quando a seringa está mesmo a chegar ao peito de Mia, vê-se a pinta que Vega desenhou como alvo a desaparecer...



Jules é uma das personagens mais icónicas do filme. O recital bíblico (que, não sei se sabias, não corresponde totalmente ao verdadeiro, parte é inventado por Samuel L. Jackson e Quentin Tarantino) é uma das melhores partes deste filme. Mas, sabias que, Samuel L. Jackson teve quase a perder este papel? Tarantino chegou a fazer uma audição a Paul Calderon e ficou tão impressionado que quase lhe deu o papel, quando Jackson soube desta audição voou de propósito de Nova Iorque para Los Angeles para fazer uma nova audição e convencer Tarantino a ficar com o papel. Isto é que é dedicação!!


O papel de Vincent Vega foi escrito para Michael Madsen. É verdade, ele que já tinha trabalhado com Tarantino, era o escolhido pelo realizador para interpretar o papel mas à última hora recusou para fazer outro fiilme. É também sabido que Mr. Big (Michael Madsen em Reservoir Dogs) e Vincent Vega são irmãos e Tarantino até começou a escrever um fillme spin-off sobre os dois irmãos, passado num tempo antes do dos dois filmes acima mencionados, mas os dois atores já estavam demasiado velhos para interpretarem personagens deles mesmo mais novos e o realizador desistiu da ideia... Gostava de ter visto isso, gostava sim!


O filme só custou 8,5 milhões de dólares a fazer! É verdade, numa altura em que vemos orçamentos de filmes a rondar os 200 milhões de dólares, até parece difícil imaginar uma época onde se faziam filmes que se tornaram clássicos por esta quantia (até parece pequena em comparação mas na verdade não é). 5 milhões de dólares foram para os salários dos atores e, de resto, o que foi mais caro foi construir o cenário do restaurante onde Vincent Vega e Mia Wallace dançam o twist, o "Jack Rabbit Slim`s", que custou à volta de 130 mil dólares.


Filmes de ação e violência, normalmente trazem na companhia, muitas palavras feias, asneiras, vernáculo. Este filme é campeão nesse campo. A palavra fuck é proferida, nada mais nada menos, que 265 vezes. 


A dança que Mia Wallace e Vincent Vega fazem no restaurante foi copiada de "8 1/2", um clássico do cinema italiano do cineasta Federico Fellini.


Logo na primeira cena, quando Jules e Vincent entram no apartamento dos rapazes que estão na posse da misteriosa mala de Marcellus Wallace e começam um diáogo agressivo sobre hamburguéres. Quando Jules está farto de ouvir sempre a mesma reposta do outro lado, o icónico "What", Jules manda a mesa abaixo. Esse movimento foi improvisado e a reação de Frank Whaley é genuína, a cena continuou a ser rodada e foi gravada num só take. Na minha opinião, ainda bem que não cortaram. "SAY WHAT AGAIN!"


Nas cenas em que Tarantino fez de Jimmie, Robert Rodríguez foi o realizador. Ele escolheu fazer esta personagem e não a de Lance porque queria estar atrás da câmara na cena de Mia com a seringa.


O carro usado por Vincent Vega no filme, um 1964 CHEVELLE MALIBU, pertencia ao argumentista e realizador, Quentin Tarantino e, pouco tempo depois das rodagens terminarem foi roubado. Não foi encontrado quase durante duas décadas, e foi descoberto quando uns polícias apanharam um grupo de jovens a desmontar um carro.


Esta é uma das minhas preferidas, porque já me perguntei tantas vezes sobre o porquê do penso de Marcellus Wallace e comecei a imaginar altas teorias na minha cabeça para o significado daquele penso que se vê bem na cena que ele combina o resultado com Butch (Willis). Ora, ao que parece, o penso só está lá para tapar uma cicatriz que o ator, Ving Rhames tinha na cabeça, tão simples quanto isso.


E pronto, agora já podes ver este filme com amigos ou família e parecer um sabichão sobre este grande clássico. Nunca te esqueças, quando estiveres a falar com alguém num carro, deixa sempre a peça de segurança da tua arma ativa!!! Não queres ter que limpar miolos dos estofos do teu belo carro. 




Transmita tua reação:


0
Beta 1.0

Por favor faça login primeiro