Dunkirk

Reação dos fãs:

0

Duração: 107 minutos

Data de Estreia: 19 / 07 / 2017

Orçamento: $ 100.000.000

Receita: $ 525.573.161

Linguagem: Inglês

Status: Lançado

Produtora /s:

Warner Bros. Pictures Syncopy

Tua reação:
0

Partilha

Sinopse

A Operação Dínamo, também conhecida como o Milagre de Dunquerque, foi uma notável operação militar da Segunda Guerra Mundial, onde mais de trezentos mil soldados aliados foram evacuados sobre intenso bombardeamento, entre os dias 26 de maio e 4 de junho de 1940, devido à invasão de França pelas tropas nazis. Milagrosamente e devido a uma inexplicável reviravolta na estratégia alemã, os soldados conseguiram escapar por via marítima até a cidade inglesa de Dover.

Review

ranting

Reviews: 115
Seguidores: 2


Dunkirk

Reação dos fãs:

0

15 / 07 / 2020

Dunkirk, Dunkirk… praia de horrores… de um lado os alemães, de outro o imenso mar alto, no meio, tropas inglesas e francesas. Esta é a premissa para o épico de guerra de Christopher Nolan que hoje volta aos cinemas portugueses. 


E uma coisa é certa e quero começar por aqui… a mistura de som deste filme é lendária, quase orgásmica (não tenho medo de o dizer). E, arrisco-me a dizer, que o papel principal deste filme é mesmo o senhor som. Porque, convenhamos, há toda uma linha sonora que te vai criando ansiedade, suspense, angústia com a narrativa do filme.


É claro que, Fionn Whitehead é brilhante e as expressões faciais dele, o brilho dos olhos (ou a falta dele) quase que me fizeram sentir o medo que uma pessoa naquela situação sentiria. Aos 26 minutos de filme, perante a ameaça provocada pelo barulho de aviões alemães, os soldados que estão no pontão baixam-se todos progressivamente fazendo em efeito visual incrível.


É verdadeiramente angustiante ver este retrato de guerra, porque este filme deixa de lado as grandes armas, as grandes carreiras de tiro, os heróis e apresenta a natureza humana na luta pela sobrevivência, retratos assustados com o medo a tomar o controlo de todas as ações.


Como é um filme de Nolan, o tempo ou melhor, a linha temporal, vai-se contorcendo e retorcendo pela narrativa, sem nos apercebemos no início, mas que nos começamos a aperceber quando Farrier (Tom Hardy) começa a rasgar os céus com enormes manobras no seu avião. 


Mas nem tudo é angustiante neste filme, e a chegada dos barcos civis e a salvação de quase todas as tropas que estavam naquela praia, aliado ao planar do avião de Farrier enquanto destrói o último alemão é um momento verdadeiramente emocionante e que eleva este filme ainda mais alto. 


É o meu filme de guerra preferido e um dos que mais gosto do conjunto de excelentes obras de Nolan.





Transmita tua reação:


0
Beta 1.0

Por favor faça login primeiro