Os Pombinhos

Reação dos fãs:

0

Duração: 86 minutos

Data de Estreia: 22 / 05 / 2020

Orçamento: Sem Informação

Receita: Sem Informação

Linguagem: Inglês

Status: Lançado

Produtora /s:

Paramount Quinn's House 3 Arts Entertainment MRC

Tua reação:
0

Partilha

Sinopse

Um casal a caminho da separação tropeça num homicídio e lança-se numa corrida alucinante para encontrar o assassino e provar a sua inocência.

Review

ranting

Reviews: 59
Seguidores: 2


Os Pombinhos

Reação dos fãs:

0

31 / 07 / 2020

"Os Pombinhos" é o caso mais recente de um filme que tinha planeado um lançamento nas salas de cinema mundiais e que devido à pandemia, acabou por ser lançado num serviço de streaming e, como alguns outros, pode ter sido uma bênção disfarçada.

Não me interpretem mal, não é um mau filme, mas é um filme que não traz nada de novo para o género.
A Netflix é provavelmente um dos maiores “players” que tentam trazer comédias românticas de volta para o centro do palco cinematográfico, e eles têm tido alguns grandes sucessos com "Como Livrar-se do Chefe", "Always Be My Maybe" e "A Todos os Rapazes que Amei", mas este parece falhar na parte do guião, o que é irónico pois tem três escritores.

E essa é provavelmente a questão principal; a comédia é uma das coisas mais difíceis de se escrever; a comédia é subjetiva; portanto, o que alguns podem achar engraçado, outros não, ter três argumentistas significa que temos três sensibilidades diferentes para o que é comédia.
É provavelmente por isso que o filme parece muito divergente em tom em vários momentos, e com todos os escritores também sendo produtores, deve ser difícil alguém descartar as suas contribuições.

Para piorar as coisas, nenhum dos principais protagonistas faz parte dessa equipa de argumentistas, o que significa que não temos o tipo de comédia que vem naturalmente para eles e faz as coisas fluírem.
Um óptimo exemplo de como isso faz toda a diferença é o filme anterior do realizador Michael Showalter, que também conta com Kumail Nanjiani, "Amor de Improviso", neste filme, Nanjiani também escreveu, de modo que cada piada veio naturalmente para ele, o que o tornou muito mais poderoso e engraçado.

Ainda com tudo isso contra, o que salva este filme, é a química dos 2 atores principais, Issa Rae e Kumail Nanjiani que, após sua transformação física para o próximo filme da Marvel, “The Eternals" parece cada vez mais uma estrela de filmes românticos.
Eles são ótimos juntos, e o seu "amor" parece muito genuíno, eles são capazes de se expor, e é encantador ver as suas interacções ao longo do filme.

É um filme previsível que, desde o início, qualquer um sabe para onde vai terminar, é um pouco parvo e a maior parte do enredo é ridícula. No entanto, são 86 minutos fáceis que não te  arrependerás de gastar; infelizmente, provavelmente vais esquecer tudo no dia seguinte.




Transmita tua reação:


0

tags:

Beta 1.0

Por favor faça login primeiro