The Act

Reação dos fãs:

0

Temporadas: 1

Data da Estreia: 20 / 03 / 2019

Última Temporada: 01 / 05 / 2019

Total de Episódios: 8

Duração por Episódios (aprox): 53 minutos

Em Produção: Não

Linguagem: Inglês

Produtora /s:

Hulu

Tua reação:
0

Partilha

Review

ranting

Reviews: 88
Seguidores: 2


The Act

Reação dos fãs:

0

02 / 09 / 2020

Eu gostava que The Act fosse só ficção, mas não é. E por mais mentira que pareça, esta é uma história baseada em factos reais. Apresenta um argumento extraordinário que misturou algumas cenas fictícias para apresentar detalhes importantes. The Act fala de abuso psicológico e nas consequências irreversíveis que causa. 

 

Provavelmente já ouviste falar no nome Gypsy Rose, a menina que assassinou a própria mãe enquanto dormia. Para tal ter acontecido tem de existir um motivo inflexível por trás. Pois bem, Gypsy (Joey King) atingiu o seu limite e recusou-se a continuar a viver aprisionada pela mãe. Vou começar por te resumir esta história porque, na verdade, o que importa nesta série é a forma como ela nos faz entrar dentro da cabeça das personagens.

 

The Act é criada por Michelle Dean e Nick Antosca que propõem uma análise à vida de Gypsy Rose e Dee Dee (Patricia Arquette) a partir do momento em que vão viver para Springfield, numa casa construída propositadamente para elas. Derivado às várias doenças e limitações físicas, Gypsy Rose anda numa cadeira de rodas, que a torna ainda mais dependente de Dee Dee. Mas tudo muda quando a filha começa a entrar na fase da puberdade. 

 

Gypsy descobre que afinal não é doente e nunca foi. Começa a perceber que vive numa prisão desde que nasceu e que é constantemente manipulada e controlada pela mãe. Conforme cresce e começa a ter maiores desejos para se tornar independente, começa a procurar soluções para fugir de Dee Dee, mesmo que signifique colocar a sua vida em perigo.

 

Apaixona-se por Nick (Calum Worthy), e é ele que a ajuda no plano final. Matar a mãe e fugir daquela prisão para finalmente começar a viver uma história de amor, independente, sem mentiras e sem limitações. 

 

Escusado será dizer que, a série agarra-se às atuações perfeitas de Patricia Arquette e Joey King. Para o reforço do elenco, também vale mencionar Chloë Sevigny que é a vizinha Mel, AnnaSophia Robb que vive a pele de Lacey a melhor amiga de Gypsy e por último Poorna Jagannathan, a doutora de Gypsy. 

 

O elenco é insubstituível, mas Joey King faz-me querer estender uma carpete vermelha. Desde a caracterização aos gestos e à voz, Joey foi muito boa. A loucura, que começa a roubar o doce sorriso de Gypsy, nota-se só num olhar. 

 

A forma de contar a história através de flashbacks é bastante cativante, mas devo alertar-vos de que o difícil em The Act é ir para o próximo episódio. É que, até pode ser viciante e a partir do momento que começamos a ver não queremos parar, mas ao mesmo tempo é sufocante! 


Ver até o fim é extremamente importante, mas não vai ser fácil. E senti que não dá para julgar nenhuma delas. São dois crimes diferentes, que já conhecemos, mas aqui são explicados e depois de sermos apresentados aos detalhes escondidos e ao caos verdadeiro, não há encontramos forma de apontar o dedo à mãe ou à filha. 


A verdade é só esta: chegamos ao fim e nem percebemos como o tempo passou tão rápido. Os episódios prendem desde o primeiro minuto. E posso garantir que não há hipóteses de nos perdermos no meio de todos os acontecimentos.

 

The Act é uma das histórias mais polémicas dos EUA, para mim chegou saber isto, para começar a ver e foi logo no segundo a seguir. E obrigada Joey King, foi das melhores atuações que já vi!




Transmita tua reação:


0
Beta 1.0

Por favor faça login primeiro