Ratched

Reação dos fãs:

0

Temporadas: 1

Data da Estreia: 18 / 09 / 2020

Última Temporada: 18 / 09 / 2020

Total de Episódios: 8

Duração por Episódios (aprox): 50 minutos

Em Produção: Não

Linguagem: Inglês

Produtora /s:

Netflix

Tua reação:
0

Partilha

Review

ranting

Reviews: 88
Seguidores: 2


Ratched

Reação dos fãs:

0

19 / 10 / 2020

Posso dizer que Ratched é um desastre? Bom, eu cá achei…


Ryan Murphy já me surpreendeu antes, por exemplo, com American Horror Story e com American Crime Story. E surpreendeu-me pela positiva. Quase que podemos dizer que se Ryan Murphy está envolvido é porque algo vai começar bem, mas terminar muito mal.


Desta vez, o realizador traz-nos uma história inspirada em personagens do clássico Voando Sobre Um Ninho de Cucos de Miloš Forman. E por falar nesta obra-prima... foi há 45 anos, neste dia, que estreou nos cinemas. Pois é, quase meio século de um filme incrível que arrecadou 5 Óscares: Melhor filme, Melhor Ator, Melhor Atriz, Melhor Realizador e Melhor Argumento Adaptado.


Provavelmente, Ratched é uma forma de Ryan comemorar esta data... Vamos lá ao que interessa agora. Na série, acompanhamos a enfermeira Mildred Ratched numa clínica e vamos conhecendo detalhes da sua vida privada ao longo dos episódios. E é Sarah Paulson que dá vida a esta protagonista que me parece ser dos poucos pontos fortes da série.


A fotografia é impecável! Os detalhes com a estética, as cores, o figurino e até as maquilhagens são excelentes. Eu diria até que a série é essencialmente visual e consigo garantir uma experiência maravilhosa nesse nível.


Sarah Paulson brilha em todos os tempos de antena e dá-nos uma excelente experiência no que toca a conhecer profundamente uma personagem.


A banda sonora também acho que encaixa na perfeição. São usados clássicos nas cenas mais fortes e, apesar de por vezes serem músicas que realçam o exagero da história, acabam por dinamizar o momento.


E agora as más notícias… Ratched é um exagero. Caos em todos os episódios, muita violência e demasiados momentos de emoções extremas. Acreditem quando vos digo que não há uma única personagem que não precise de acompanhamento psicológico. A sorte é que tudo acontece com muito estilo e uma grande elegância!


Acho que exige uma certa paciência para ver tanta confusão e tantos trambolhões entre episódios. É que as personagens são todas inconsistentes, parecem caricaturas e por isso é que dá a sensação de um elevado exagero em várias cenas.


Até os diálogos das personagens são dolorosos, não só pelo peso dos temas retratados, mas porque as personagens contribuem para que tudo se torne negro e sangrento.


Tudo é bastante intenso e num certo ponto até entendo o porquê. Ratched fala de muitos temas fortes, como o machismo, racismo e algumas discussões sociais da época. E no meio de tanto tema sensível, a série acaba por não desenvolver nenhum deles e perde eficácia nos alertas que transmite. Torna-se numa história vazia disfarçada pelo brilho e criatividade visual.


Mas apesar de tudo, gostei bastante do que nos tenta ensinar. A série defende que ninguém nasce um monstro, mas torna-se um. São as circunstâncias e influências do meio que nos podem tornar cruéis e com capacidade para fazer as maiores atrocidades do mundo. Acredito verdadeiramente nesta mensagem e acho que a série até pode entrar num caminho em que aprofunda este pensamento.  


O fim da série revela que esta história é cheia de boas intenções e percebemos um incrível trabalho de quase todo o elenco. Mas se existir uma segunda temporada, que é bastante provável, espero que o argumento tenha merecidas alterações e que se torne bastante mais cativante. O potencial está lá, basta ser explorado de forma diferente… assim creio.




Transmita tua reação:


0
Beta 1.0

Por favor faça login primeiro