Lovecraft Country

Reação dos fãs:

1

Temporadas: 1

Data da Estreia: 16 / 08 / 2020

Última Temporada: 18 / 10 / 2020

Total de Episódios: 10

Duração por Episódios (aprox): 60 minutos

Em Produção: Não

Linguagem: Inglês

Produtora /s:

HBO

Tua reação:
1

Partilha

Sinopse

A busca de Atticus Freeman pelo pai desaparecido — uma jornada que o leva a ele, à sua amiga Letitia e ao seu tio George numa viagem transcendental pela América de Jim Crow dos anos 50.

Review

ranting

Reviews: 116
Seguidores: 2


Lovecraft Country

Reação dos fãs:

1

19 / 10 / 2020

Esta série é inspirada no livro "Lovecraft Country" de Matt Ruff que saiu em 2016. Difere um pouco do livro mas a génese está lá, e a génese é um veterano do exército americano que volta a casa porque o seu pai desapareceu. Quando chega a Chicago, a sua cidade natal, Atticus (o filho) embarca numa viagem para procurar o seu pai e uma aventura de magia, monstros e coisas maradas começa. 


A história passa-se em 1954 e aquela época é mesmo retratada ao pormenor, o guarda-roupa é fantástico e aquilo que é mais retratado é a sociedade segregada daquela altura nos Estados Unidos da América. O racismo é o tema central desta série e causa e efeito de tudo o que se passa aqui. É com episódios como o primeiro que se começa uma série! Que surpresa agradável, agarra de imediato. Tem diálogos verdadeiros, muito bem interpretados e uma ótima cena musical. E o segundo episódio acaba da forma que eu achava que a série poderia acabar, foi aqui que fiquei intrigado com o que poderia acontecer e não mais larguei a série. 


Com produção de JJ Abrams e Jordan Peele, as cenas de ação e os efeitos especiais são do outro mundo, mesmo incríveis e embelezam as cenas de ação fenomenais que esta série tem. Quando a cenas de ação se junta magia, rituais e monstros a série passou para um outro nível para mim. Vemos uma língua estranha, a "língua de adão" e uma organização secreta que tem políticos e outras figuras da mais alta sociedade, uma organização que corrompe até forças de segurança, formada por brancos apenas, organização essa que tem o monopólio da magia e dos feitiços e rituais, ou assim pensam eles. É fantástico ver como os monstros são incríveis e a magia também. Poderia parecer algo disparatado se não estivesse tão bem feito como está aqui.


É mais uma série em que a teoria dos universos e realidades paralelas está presente. E está presente de uma forma que vem dar vida a uma personagem, Hippolyta, que até ao momento em que tudo acontecesse não tinha muito, transformando desta forma, todas as personagens em personagens fortes, com propósito, história e às quais me liguei. Uma série que também nos fala dos sonhos que temos e de como, por vezes, os cancelamos para podermos estar com alguém ou de como os pomos em espera por não acreditarmos sermos capazes e depois nunca mais voltamos a tentar, ou seja, quero com isto dizer que é um argumento bom ao ponto de me por a pensar e refletir sobre sonhos, vejam bem...


Quando eu pensava que já nada me podia surpreender em termos de performance de atores e atrizes, tirando as personagens principais, eis que aparece Jamie Chung, vinda do nada, mas para ficar em tudo. Dá uma lufada de ar fresco enquanto nos apresenta outra parte da vida de Tic e dá muito mais magia a este caldeirão de emoções e pós de bruxas.


O último episódio começa a tremer, não gostei muito do que se passa, de aquelas personagens voltarem, nem das cores ou dos efeitos especiais. Mas a verdade é que fiquei logo a tremer quando Tic começa a falar a "língua de Adão" e consegue abrir o "Livro dos Nomes". Ainda neste episódio a cena no carro a caminho de Ardham quando a família toda canta a música "Sh-Boom" dos Cars, leva-nos ao último momento que vamos sorrir e sentir alívio e alegria ao ver esta série e que lindo é ver este simples momento que é muito importante para o que se passa a seguir. 


Acaba de forma estupenda e apesar de não crer que sejam feitas mais temporadas (embora algumas pontas soltas sejam deixadas), fico com vontade de ver mais sobre este mundo e estas personagens.




Transmita tua reação:


1
Beta 1.0

Por favor faça login primeiro